Quem sou eu

Minha foto
Juiz de Fora, Minas Gerais, Brazil
Uma mulher guerreira, romântica, amante de música e tudo que envolve cultura e artes. Pedagoga, poetisa, escritora de fatos da vida e de sentimentos envolventes na vida de todos nós. Amo crianças, respeito e venero as pessoas idosas, luto pelo fim de todo e qualquer preconceito.Oro pela cura de doenças como o câncer, a Aids entre outras...Sou viúva de um homem maravilhoso,me fez feliz por quase quarenta anos, mãe de três filhos e possuo seis lindos netos. Tenho amigos valiosos e acredito que a Educação é a arma para Transformar nosso Planeta num lugar onde o Respeito e o Amor sejam constantes.Escrevo desde os onze anos de idade.Meu primeiro livro publicado é "Soltando as Amarras", poesias num misto de romance, auto ajuda, homenagens e quebra de paradigmas.Escrevo vários gêneros literários. Tenho outros livros prontos para publicação, inclusive infantis. Creio que tenho por missão transmitir ao meu semelhante algo que possa beneficiá-lo . Fazer feliz as pessoas é meu maior prazer.

quarta-feira, 4 de abril de 2012

Páscoa







Tempos de espera e renovação espiritual. Assim entendemos a Páscoa. Passagem para uma vida melhor, onde teremos novas oportunidades para repararmos os erros e perseguirmos com determinação uma vida voltada para o AMOR e suas variadas manifestações.
         O tempo de Quaresma na Igreja Católica, requer muitas reflexões e ações em prol do próximo. Requer que não somente façamos sacrifícios de jejuns de carne vermelha entre outros, porém o mais importante é o ímpeto de mudança. Qual uma borboleta quando sai do casulo e pode voar, a metamorfose deverá ser constante em nosso interior.
Como humanos somos imperfeitos e esquecemo-nos das premissas ensinadas pelo Mestre Jesus. Cabe-nos seriedade e leituras para posteriormente agirmos tal como ELE nos ensinou.
         A ressurreição significa nova vida, novo vigor uma esperança e certeza de que podemos ser melhores, renovados na Fé e nas Atitudes de Generosidade.
Viver a Páscoa é perdoar a nós mesmos por tantos erros que cometemos  e sem querer prejudicamos os que encontram-se a nossa volta. Perdoar-nos pela pouca disposição de servir e amparar o irmão carente de afeto, palavras e coisas essenciais para uma vida digna. É orar pelos que necessitam de Luz, para que libertem-se das algemas da ignorância que os induzem a fazerem o mal. É perdoar a estes mesmos irmãos que tantas vezes nos decepcionam, mas compreendendo que é por falta de conhecimento do AMOR.
E o AMOR é ter DEUS em nossa vida, pois assim teremos capacidade de discernir o bem do mal e escolhermos o caminho certo a seguir.
FELIZ PÁSCOA ! Que todos os dias de nossas vidas sejam de Páscoa, dessa maneira estaremos glorificando o Reino de Deus na Terra.

Denise Vieira Doro
Ocorreu um erro neste gadget

Meus netos

Meus netos
Dia 18 de junho de 2010

Arquivo do blog