Quem sou eu

Minha foto
Juiz de Fora, Minas Gerais, Brazil
Uma mulher guerreira, romântica, amante de música e tudo que envolve cultura e artes. Pedagoga, poetisa, escritora de fatos da vida e de sentimentos envolventes na vida de todos nós. Amo crianças, respeito e venero as pessoas idosas, luto pelo fim de todo e qualquer preconceito.Oro pela cura de doenças como o câncer, a Aids entre outras...Sou viúva de um homem maravilhoso,me fez feliz por quase quarenta anos, mãe de três filhos e possuo seis lindos netos. Tenho amigos valiosos e acredito que a Educação é a arma para Transformar nosso Planeta num lugar onde o Respeito e o Amor sejam constantes.Escrevo desde os onze anos de idade.Meu primeiro livro publicado é "Soltando as Amarras", poesias num misto de romance, auto ajuda, homenagens e quebra de paradigmas.Escrevo vários gêneros literários. Tenho outros livros prontos para publicação, inclusive infantis. Creio que tenho por missão transmitir ao meu semelhante algo que possa beneficiá-lo . Fazer feliz as pessoas é meu maior prazer.

segunda-feira, 11 de março de 2013

Saudades, eternas lembranças





A saudade machuca, dói e como...
Mas tem seu lado positivo.
Ao relembrarmos de alguém que foi nosso amor, parceiro, cúmplice, amante e AMIGO, TEMOS A SENSAÇÃO de que tudo valeu, mesmo com o sofrimento da perda... Essa semana, não sei se será,  começou com um misto de saudades e ao mesmo tempo de vazio. Um lugar que creio jamais será preenchido. Meu coração poderá acolher outra pessoa, mas seu lugar PAULO,  NUNCA SERÁ DE OUTRO. meu amor é tanto que transborda de alegria quando me recordo de tantos momentos felizes. Queria muito na sexta-feira ter alguém como você foi durante anos a meu lado, o primeiro a me abraçar e beijar desejando felicidades. E saíamos juntos era um dia de passeio sem direção, pois o que importava era sermos um do outro e vivíamos os prazeres que uma vida a dois pode proporcionar. Passou, esse capítulo de minha vida, terminou. Quero,  no entanto ter a esperança de que ainda em vida encontrarei uma pessoa ( não precisa ser igual) porém um SER HUMANO que tenha tantas afinidades comigo como tínhamos e aí?????? Aí viveremos o êxtase , a paixão louca, a atração infinita , as melhores carícias e poderemos viver uma relação de plenitude para ambos.

Denise Vieira Doro

Ocorreu um erro neste gadget

Meus netos

Meus netos
Dia 18 de junho de 2010

Arquivo do blog