Quem sou eu

Minha foto
Juiz de Fora, Minas Gerais, Brazil
Uma mulher guerreira, romântica, amante de música e tudo que envolve cultura e artes. Pedagoga, poetisa, escritora de fatos da vida e de sentimentos envolventes na vida de todos nós. Amo crianças, respeito e venero as pessoas idosas, luto pelo fim de todo e qualquer preconceito.Oro pela cura de doenças como o câncer, a Aids entre outras...Sou viúva de um homem maravilhoso,me fez feliz por quase quarenta anos, mãe de três filhos e possuo seis lindos netos. Tenho amigos valiosos e acredito que a Educação é a arma para Transformar nosso Planeta num lugar onde o Respeito e o Amor sejam constantes.Escrevo desde os onze anos de idade.Meu primeiro livro publicado é "Soltando as Amarras", poesias num misto de romance, auto ajuda, homenagens e quebra de paradigmas.Escrevo vários gêneros literários. Tenho outros livros prontos para publicação, inclusive infantis. Creio que tenho por missão transmitir ao meu semelhante algo que possa beneficiá-lo . Fazer feliz as pessoas é meu maior prazer.

sábado, 30 de julho de 2011

Trocadilho





Encanto no canto


Renova e prova


Ardente e crescente


Paixão e tesão






Os corpos encorpam


Os gestos que provam


Amor e loucura


Na grande ternura






Sorriso estampado


No rosto amado


Prazer retratado


No corpo suado






Unindo e atando


Amores, sabores


Chorando e vivendo


Nobres sentimentos.






Denise Vieira Doro


quarta-feira, 27 de julho de 2011

AMANDO



Um abraço envolve, mostra
a atração presente

Um beijo nos lábios sela
o desejo que impera

Unindo corpos, tudo demonstra
nada se fala

Atos diversos no imenso universo
onde o AMOR liberta

Amando muito o mundo gira
nosso prazer so contagia.

Denise Vieira Doro

terça-feira, 26 de julho de 2011

Homenagem ao dia da avó.




Quantas lembranças carrego do meu tempo de criança e da juventude também. Minha avó era doçura, chamego e proteção. A avó tem em nossa vida papel de suma importância, pois ajuda nossos pais no período da infância.

Vovó tem mais paciência, sabedoria e na essência nos dá grande liberdade, sempre tenta resolver qualquer briga entre netos com todo o seu afeto. Sua experiência de vida traduz-se em atitudes que educam a seu jeito os netinhos mais travessos. Aconselha, se alia, é amiga e companheira dos netos na juventude. Seus conselhos são importantes e não se pode questionar pois sempre acabamos vendo que tinha razão ao falar. Vovó prepara os quitutes que adoramos saborear, não se preocupa com calorias, e nos dá tanta alegria.

A avó sempre disposta a servir e participar, faz questão de estar presente nos momentos mais preciosos. No aniversário dos netos se esmera e dar amor e um presentinho que agrade.

Quem tem avó tem tesouro e este vale mais que ouro! Um dia também é pouco para homenageá-la portanto vamos amá-la todo tempo, toda hora e jamais abandoná-la.



Denise Vieira Doro

Dia da avó



Chega de tanta injustiça


de castigo e confusão!


Vou pra casa da vovó,


não tem outra solução!






Estou mesmo decidido


e pra sempre eu me mudo.


Aqui eu não posso nada


e por lá eu posso tudo!






Posso comer chocolate,


posso até me empanturrar.


Posso comer sobremesa


até antes do jantar.






Mesmo que eu faça bagunça,


vovó não briga comigo.


Se eu beliscar o irmãozinho,


vovó não me põe de castigo!






Vou fazer a minha mala,


meu carrinho eu vou levar.


Vou levar o meu cachorro


e o meu jogo de armar.






Vou levar meu travesseiro,


levo também meu pião,


pego os meus livros de história


e o meu time de botão.






Levo as coisas que eu gosto,


pra ter tudo sempre a mão:


levo também o papai,


a mamãe e o meu irmão!






Autora: Ana Canéo















segunda-feira, 25 de julho de 2011

Vida a dois









Sabemos o quanto é difícil manter-se uma vida a dois. Casamentos são desgastados pela rotina e acabam sendo desfeitos ou se vai empurrando por conveniências discutíveis, porém não julgadas. Conviver no dia a dia durante longos anos é indubitavelmente uma tarefa dificílima. O choque de educações diferenciadas é o primeiro problema, hábitos , manias e opiniões. A famosa toalha molhada em cima da cama ou  no chão banheiro já foi motivo de sérias discussões. A pasta de dentes cujo tubo é apertado de forma inadequada para seu aproveitamento idem, e aqui ficaria eu descrevendo tantas bobagens que geram desentendimentos e ás vezes até ofensas. No entanto nada é tão grave  como a mentira, a traição e a perda da confiança. Temos por educação que recebemos e que passou de geração em geração a ideia de que nada pode ser perdoado, principalmente a traição. Não estou aqui defendendo essa atitude, mas é algo muito pessoal e discutível, pois traição é também deixar de amar e fingir que ainda ama para não perder o status de casado (a), as mordomias ( se existirem). AS drogas são responsáveis por muitas separações e o vício do jogo. Tanto faz se é o homem  ou a mulher, o estrago é devastador. Geram brigas, agressões físicas entre outros males. E os filhos? Estes ficam no meio do fogo cruzado , sofrendo e aprendendo a serem violentos, pois o que vivenciam fica em suas mentes gravado para sempre. Nem todos os filhos de pais que brigam tornam-se violentos, todavia as marcas dos sofrimentos são irreversíveis. Hão de questionar-me: existe uma fórmula para a boa convivência e evitar-se brigas e desentendimentos por motivos banais? _ Não, desconheço a receita. Somente sei que a tolerância, o perdão, o AMOR podem ajudar de forma significativa a solucionar alguns desses casos aqui citados e orientar o casal na melhor maneira de viver a dois ou com seus filhos também sem permitir interferências de fora no seu relacionamento. Analisando as companhias e amizades que se possui, porque as influências maléficas destroem os relacionamentos e sendo assim, usando do diálogo franco e disposto a dar solução a tudo que no momento estiver destruindo algo que foi sonhado , realizado e acabou sendo desastroso porque permitimos.

Denise Vieira Doro

sábado, 23 de julho de 2011

As estações do Amor



Amor de primavera é bonito



A juventude carrega sonhos e tanta esperança


Aproveita-se o tudo, ama-se intensamente


O corpo treme e altera a mente.






Já o Verão é tão quente


O amar é muito ardente


Loucuras são realizadas


Tudo pra pessoa amada.






No outono a precaução


a razão fala mais alto


Ama-se com liberdade


Respeitando-se a individualidade.






No inverno é mais lento


Os carinhos e os beijos


Os afagos e abraços


Importam mais que o desejo.


Denise Vieira Doro

quinta-feira, 21 de julho de 2011

AMOR


AMOR, palavra que não é suficiente para expressar um sentimento tão importante! Na verdade, o Amor é a força invisível que tem o poder mágico de transformar pessoas, situações e o mundo em que vivemos.

O AMOR é atrevido, invade-nos de mansinho e quando percebemos já se instalou e através dele tantas coisas são realizadas e chuvas de alegrias caem sobre nós...Ah! O Amor é tudo, é suave, é doce , é música , é vida em nossa vida!

Não permitamos que o AMOR se desinstale de nós. Não vamos abrir espaços para que ele desapareça. A presença do Amor é fundamental para nossa sobrevivência.

Nossos gestos devem ser sempre acompanhados DELE, palavras também. E como faz bem! Façamos de cada dia, mais um dia em que o AMOR possa ser sentido pelas pessoas que convivem conosco. E vamos ter coragem de apregoar a todos , os benefícios de quem cultiva e semeia em seu jardim da existência tão nobre e incomparável riqueza.



Denise Vieira Doro
Direitos autorais registrados  no EDA

quarta-feira, 20 de julho de 2011

Declaração de Amor

O que posso fazer?



Sem seus beijos não vivo


Mesmo longe te sinto


Muito perto de mim






Na verdade seu corpo


Me envolve e acolhe


Me fascina e promove


Sensações infinitas






Os seus olhos me fitam


Me desnudam e dizem:


Te desejo sem culpas,


Pois conheces meu íntimo






E nessa atração fatal


Me vejo tão vulnerável


Perdida e realizada


Encontrada e muito amada.






Denise Vieira Doro


Dedicada ao meu amor eterno


Pelos 39 anos de união

sexta-feira, 15 de julho de 2011

Convite Sedutor








Envolva-me, com seu olhar sedutor






Toque-me ,com suas mãos preciosas






Beije-me, ofertando deliciosamente seu sabor doce






Seduza-me, até que eu perca a razão e a noção do que sou e do que faço






Abraça-me para que eu sinta o calor de seu corpo






Faça amor comigo, que quero contigo voar às alturas, perder os sentidos






Autora: Denise Vieira Doro






Livro: Em canto poético


segunda-feira, 11 de julho de 2011

Beijos



Ardentes, sensuais
Quentes , reveladores
Doces, ternos
Agradam os amores.

Não economizem beijos!
Fazem bem a saúde
Iluminam nossas almas
Aquecem nossos corações.

O beijo é a prova
Dos nossos sentimentos
Em todo momento
Bem recebidos serão

Se aborrecidos estivermos
E nada nos fizer reagir
Um beijo tudo dissipa
E voltaremos a sorrir.

Denise Vieira Doro

sábado, 9 de julho de 2011

Comparações

AMOR  - conquista

BELEZA - atração

RESPEITO - admiração

SUSPEITO - não confiável

CORAGEM - superação

FÉ -  complemento

SABEDORIA - luz

 TOQUE - carinho

ABRAÇO - envolvimento


AMIZADE - jóia rara


IMPULSIVIDADE_ desastre

PACIÊNCIA - imprescindível


ELOGIAR - conquistar


FAMÍLIA - essêncial


PERDÃO - nobreza


VERDADE - riqueza



Denise Vieira Doro

sexta-feira, 8 de julho de 2011

Quando o amor adormece









Existem fases na vida a dois


que tudo deixamos pra depois,


o abraço, a amasso e beijinhos


na verdade qualquer tipo de carinho.






Devemos estar bem atentos


a não permitir que esse momento


se eternize , se instale


senão o amor adormece.






A ausência  de união e de toque


palavras picantes, gestos instigantes


olhar de desejo dos amantes


até de sonhos delirantes...






Isso tudo faz parte da vida


A que sempre desejamos


junto de nosso marido e amante


E por descuido esquecido fica.






Vamos reagir e relembrar


As horas de amor e prazer


Revivendo sentiremos atração


E reacenderemos a chama da paixão.






Denise Vieira Doro










segunda-feira, 4 de julho de 2011

Conhecimento e Sabedoria

CONHECIMENTO se adquire através de livros e outras fontes de informação. Já a SABEDORIA é algo que ultrapassa qualquer conhecimento.

Conhecimento não dá virtudes, não forma caráter. Uma pessoa pode conhecer tudo sobre o Bem e no entanto não praticá-lo.

É a Sabedoria que induz-nos ao Bem, ao Amor e a observação do mundo e da vida mais detalhadamente.

Pensamos algumas vezes que sabemos tudo, porque estudamos, fizemos faculdades e etc...

Nada somos se não tivermos humildade, simplicidade e usarmos nossa inteligência a Serviço da Sabedoria.

Tentemos usar da Sabedoria sempre... Assim sendo, tudo a nossa volta terá um valor especial, o valor real, dentro da simplicidade e da afeição. E, não nos esqueçamos de que nossos atos são nossas escolhas e deles vai depender nosso presente e futuro.





Denise Vieira Doro

sábado, 2 de julho de 2011

Você é paixão e desatino





Foi uma paixão, intensa  e extensa
Bastou um olhar e a sintonia se fez presença
Ainda te desejo com a mesma intensidade
E tu me retribui com muita felicidade.

Paixão , desatino tudo foi sondado
Fizemos perguntas, sentimos a culpa
Não queria assim , um amor loucura
Mas, fez-se em mim em grande ternura.

A cada dia que passa , temos a graça
Das loucuras da paixão realizar
Sem pudores, sem receios
Vamos levando o amor se transformando.

Denise Vieira Doro
Ocorreu um erro neste gadget

Meus netos

Meus netos
Dia 18 de junho de 2010

Arquivo do blog