Quem sou eu

Minha foto
Juiz de Fora, Minas Gerais, Brazil
Sou escritora desde os onze anos de idade.Meu primeiro livro publicado é "Soltando as Amarras", poesias num misto de romance, auto ajuda, homenagens e quebra de paradigmas.Escrevo vários gêneros literários. Tenho outros livros prontos para publicação, inclusive infantis. Creio que tenho por missão transmitir ao meu semelhante através de meus textos palavras edificantes e que causem impacto é uma fé imensa na vida e na humanidade. Fazer feliz as pessoas é meu maior prazer. Faço parte da Leia/JF, Liga de escritores, autores e ilustradores de Juiz de Fora. Sou da Academia de Letras Joaquim Osório Duque Estrada no município de Paty do Alferes onde residi por trinta e cinco anos. A vida é um belo presente.

sexta-feira, 1 de abril de 2011

Ninguém merece ser infeliz

Ninguém merece ser infeliz! Ninguém precisa submeter-se a maus tratos. A tortura psicológica é a maior agressão que alguém pode sentir. Somos vítimas no cotidiano de muitos aviltes, de inúmeras agressões. E, se deixarmos que estas nos abatam, tudo acaba. Acaba a vontade de viver, de sorrir, de amar . As pessoas que fazem isso são doentes , necessitam de  tratamento  psicológico adequado e quando não querem é dificílimo  de se resolver. Conhecemos pessoas aparentemente saudáveis psicológicamente, no entanto quem com elas convive sabe o que tem que suportar. Se o que convive é portador de alguma doença cujas alterações emocionais agravam, o jeito é a separação. Jamais deveremos  nos submeter a sofrimentos desnecessários. Reflitamos sobre os prós e os contras de uma convivência onde as situações de agressividade tanto mal fazem. Existem momentos que prejudicam mais do que a agressão física.
Denise Vieira Doro

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget

Meus netos

Meus netos
Dia 18 de junho de 2010

Arquivo do blog