Quem sou eu

Minha foto
Juiz de Fora, Minas Gerais, Brazil
Uma mulher guerreira, romântica, amante de música e tudo que envolve cultura e artes. Pedagoga, poetisa, escritora de fatos da vida e de sentimentos envolventes na vida de todos nós. Amo crianças, respeito e venero as pessoas idosas, luto pelo fim de todo e qualquer preconceito.Oro pela cura de doenças como o câncer, a Aids entre outras...Sou viúva de um homem maravilhoso,me fez feliz por quase quarenta anos, mãe de três filhos e possuo seis lindos netos. Tenho amigos valiosos e acredito que a Educação é a arma para Transformar nosso Planeta num lugar onde o Respeito e o Amor sejam constantes.Escrevo desde os onze anos de idade.Meu primeiro livro publicado é "Soltando as Amarras", poesias num misto de romance, auto ajuda, homenagens e quebra de paradigmas.Escrevo vários gêneros literários. Tenho outros livros prontos para publicação, inclusive infantis. Creio que tenho por missão transmitir ao meu semelhante algo que possa beneficiá-lo . Fazer feliz as pessoas é meu maior prazer.

quarta-feira, 19 de maio de 2010

Soltando as amarras

Soltando as Amarras

Vou soltar as amarras, que me prendem
a tantas coisas que me impedem
de ser, de ver, de realizar
tudo que almejo, os mais incríveis desejos.

Vou arriscar-me a ser capturada
resgatada pela vida sublimada,
recatada e imposta, por educação remota e,
hoje , me indago se correta, certa ou aceita.

Basta de submissão!
vou gritar aos quatro ventos
o que quero e viver sem me importar
com o que dizem ou pensam...

Nessa liberdade louca,
rejeitada ou aceita, nem me importo
nem me abalo se alguém vai me julgar
só me reservo o direito de ser feliz e arriscar.

Denise Vieira

2 comentários:

Denise Vieira disse...

O Livro Soltando as Amarras,estará disponibilizado para vendas a partir do Mês de Junho. Seu lançamento será divulgado antecipadamente. Essa poesia é a de apresentação do livro.

Marly Bastos disse...

Denise, lindo poema! Procuro sempre me desfazer dessas amarras que a vida vai tecendo em volta da gente.
Obrigada pela visita e pelo comentário sempre gentil. Gosto muito de você querida, e suas escritas é sempre um presente pra alma e olhos.
Beijos carinhosos

Ocorreu um erro neste gadget

Meus netos

Meus netos
Dia 18 de junho de 2010

Arquivo do blog